News

Dieta para intolerância à lactose: aprenda a colocar em prática

Descubra como deve ser uma dieta para intolerância à lactose e o mais importante de tudo: saiba quais fontes de cálcio priorizar para evitar condições de saúde como osteopenia e osteoporose.

Anúncios

por Murilo C.

Publicado em 21/03/2022

Como deve ser uma dieta para intolerância à lactose?

Iogurte, leite e queijo com sinal de alerta
Dieta para intolerância à lactose: saiba o que priorizar e evitar. Fonte: Canva.

A dieta para intolerância à lactose é baseada na diminuição ou na exclusão do consumo de alimentos que contêm lactose em sua composição. 

Ou seja: leite e seus derivados. 

Contudo, como os níveis de intolerância variam de uma pessoa para outra, há situações onde não é necessário restringir por completo o consumo desses alimentos. 

Uma alimentação livre de alimentos e produtos sem lactose é simples.  

Hoje vamos falar sobre dieta para intolerantes à lactose, fontes de cálcio e uso de enzimas sintéticas por quem busca se ver livre dos sintomas e complicações dessa condição de saúde. 

Então, vamos começar. 

Médico segurando pão fazendo sinal de pare

Doença celíaca está entre as principais causas de intolerância à lactose

Conheça a doença celíaca, causas, sintomas, diagnóstico e tratamento.

Dieta para intolerantes à lactose: alimentos a excluir

A principal parte em um tratamento para intolerância à lactose é a dieta. 

Ou seja: a condição exige um manejo alimentar, na qual alimentos que contenham lactose em sua composição devem ser excluídos, ou ter o consumo diminuído.

Então, entre os principais alimentos a se evitar (ou diminuir) em uma dieta para intolerância à lactose estão:

  • Leite de todos os tipos: integral, semidesnatado ou desnatado; 
  • Creme de leite;
  • Queijos em geral;
  • Manteiga;
  • Iogurte;
  • Requeijão;
  • Chocolate;
  • Biscoitos recheados.

Além disso, uma vez que a pessoa é diagnosticada com intolerância à lactose, ela precisa criar o hábito de ler rótulos e ingredientes de produtos.

Afinal, existem muitos alimentos industrializados que contêm lactose em suas formulações. 

Além do mais, dependendo do grau de intolerância da pessoa, algumas opções alimentares são toleradas quando consumidas com moderação.

É por isso que a dieta é variável de uma pessoa para outra. 

E os alimentos zero lactose?

Os alimentos zero lactose viraram uma verdadeira febre entre as pessoas.

No entanto, é comum ouvir de intolerantes que mesmo essas opções fazem mal e causam sintomas de desconforto. 

Mas a explicação para isso é bastante lógica.

Afinal, os alimentos chamados de “zero lactose” na verdade possuem enzima lactase adicionada em sua composição. 

Ou seja, eles continuam sendo fonte de lactose, mas trazem consigo a enzima para ajudar na absorção da lactose. 

Contudo, quando o assunto é consumir alimentos zero lactose e enzima lactase, cada organismo é único.

Assim, enquanto uns se dão bem apenas com uma dose de enzima, outros precisam de duas doses. 

Por isso que a dieta para intolerância à lactose, embora tenha uma linha a ser seguida, possui particularidades pessoais. 

Alimentos fontes de cálcio sem lactose

Quando o assunto é cálcio, muita gente tem em mente que apenas leite e derivados são fontes do mineral que garante saúde dos ossos, dentes e músculos.

Mas isso não é verdade. 

Existem muitos outros alimentos fontes de cálcio que não tem lactose em sua composição.

E assim, devem ser incluídos na rotina alimentar de intolerantes. São eles:

  • Sardinha;
  • Mexilhão;
  • Ostras;
  • Amêndoas;
  • Manjericão;
  • Soja;
  • Semente de linhaça;
  • Grão de bico;
  • Agrião;
  • Nozes;
  • Gergelim;
  • Couve;
  • Acelga;
  • Castanha do Pará;
  • Espinafre;
  • Brócolis;
  • Tofu.

A inclusão desses alimentos na dieta dos intolerantes é importante para evitar a osteopenia. 

Osteopenia antecede osteoporose

A osteopenia é uma condição de saúde caracterizada pela fragilidade dos ossos.

Ou seja: ela antecede a osteoporose e dificilmente apresenta sinais. 

Assim, a melhor forma de preveni-la, é por meio de uma alimentação rica em cálcio e prática de atividades físicas. 

Saiba mais sobre ela abaixo!

Esquema interno ósseo visto por fora de braço

Osteopenia: quando os ossos ficam frágeis

Conheça os principais sinais de osteopenia e como é feito o diagnóstico.

Sobre o autor

Murilo C.

Murilo C. é biomédico formado em 2010 com vivência clínica e laboratorial. Além disso, é formado em nutrição, com especializações na área de nutrição esportiva e fitoterapia. Atuante na área de nutrição clínica, acredita no poder dos alimentos como forma prevenir e tratar doenças. Escritor, leva informação de qualidade sobre saúde e alimentação para todos há uma década.

Em Alta

content

Aprenda como fazer molho branco básico de modo rápido e fácil

Aprenda como fazer molho branco rápido e fácil para todos os tipos de pratos deliciosos! Confira a receita básica e algumas variações!

Continue lendo
content

Receita de escondidinho de couve-flor para o almoço ou jantar

É possível aproveitar o final de semana sem deixar de comer alimentos saudáveis. O escondidinho de couve-flor é prova disso! Veja aqui.

Continue lendo
content

Veja como fazer um bolo fácil com recheio de abacaxi

Sobremesa fácil, acompanhamento para lanche ou café da manhã: o bolo fácil com recheio de abacaxi é versátil. Aprenda, aqui, como fazê-lo!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Aplicativo Lambus: veja como funciona e se vale a pena!

Descubra como funciona o app Lambus, a plataforma que te ajuda a organizar os detalhes da sua viagem. Além disso, você pode compartilhar informações com seu grupo e acessar offline!

Continue lendo
content

Conheça os maiores navios do mundo!

Cruzeiros têm se tornando mais populares no Brasil e no mundo com tantas embarcações luxuosas em operação. Então, conheça os maiores navios do mundo que têm muitas atrações para conquistar turistas!

Continue lendo
content

Como baixar e usar o aplicativo Oktoplus?

Você pode acessar seu saldo de pontos e conferir todos os seus programas de fidelidade na palma da sua mão, basta se cadastrar no aplicativo Oktoplus! Entenda como baixar para ter acesso a plataforma!

Continue lendo