News

Vitiligo: Saiba tudo sobre essa condição de saúde!

O vitiligo é uma condição de saúde que afeta diretamente a pele e ganhou conhecimento de muita gente por conta da participante Natália do BBB 22. Saiba tudo sobre ele agora!

Anúncios

por Murilo C.

Publicado em 16/03/2022

Vitiligo é condição característica

Mulher de costas com vitiligo
Conheça o vitiligo e descubra porque ele surge. Fonte: Canva.

O vitiligo é uma condição de saúde onde há alteração de função ou ausência de melanócitos.

Ou seja, células responsáveis pela produção de melanina, que é o pigmento que dá cor à pele, cabelo e pelos, por exemplo.

Assim, com a ausência de melanina, há o surgimento de manchas esbranquiçadas por todo o corpo. 

Além das manchas na pele, é comum que a condição cause descoloração no cabelo. 

Mas afinal, o que causa essa alteração de funcionamento dos melanócitos? Existe algum tratamento?

As respostas para essas perguntas, você encontra mais adiante. 

Então, confira! 

Aplicação de mesoterapia

Mesoterapia ajuda na saúde da pele

Conheça a mesoterapia: técnica garante pele mais saudável e bonita.

Anúncios

As causas do vitiligo

A causa ainda não foi totalmente esclarecida. 

Contudo, dermatologistas afirmam que ela está relacionada a fatores genéticos, ambientais e imunológicos.

Inclusive, há estudos que demonstram que alterações autoimunes dão origem ao problema, assim como casos de estresse exacerbado.

Lesões na pele proveniente de queimaduras ou exposição a substâncias químicas também estão relacionadas com o surgimento da condição.

Já se sabe hoje que o vitiligo é hereditário.

Assim, quem possui parentes diretos como pais, avós ou tios, têm mais chances de desenvolver vitiligo. 

Não é contagioso

O vitiligo é uma condição não contagiosa.

Assim, abraços e contatos diretos com a pessoa portadora da condição é algo seguro e que inclusive deve ser feito. 

Outro ponto diz respeito à dor.

O vitiligo não causa dor, embora relatos de sensibilidade nas áreas onde há perda de melanina sejam comuns. 

Anúncios

Sintomas e classificação

O principal sintoma de vitiligo são as manchas esbranquiçadas que surgem em locais mais expostos ao sol.

Como mãos, braços, rosto e busto, por exemplo. 

É comum que surja como uma mancha pequena e única que aumenta de tamanho e em quantidade quando se busca tratamento adequado.

Além disso, é possível classificar o vitiligo de acordo com o local onde as manchas aparecem.

A classificação é a seguinte:

  • Unilateral ou segmentar: quando as manchas surgem em apenas um dos lados do corpo;
  • Bilateral ou não segmentar: quando há áreas esbranquiçadas nos dois lados do corpo. 

É mais comum que os sintomas surjam na infância e na adolescência.

Contudo, é possível que a condição se desenvolva em qualquer idade e em qualquer tipo de pele.

Entretanto, o vitiligo é mais comum em pessoas de pele mais escura. 

Diagnóstico

O médico responsável pelo diagnóstico de vitiligo é o dermatologista.

E através da observação das manchas é possível fazer o reconhecimento da condição.

Afinal, as manchas são bem características e surgem em regiões específicas do corpo. 

No entanto, em alguns casos, é possível realizar biópsias para investigar se há presença ou ausência de melanócitos. 

Além disso, é comum a realização de exames de sangue.

O objetivo é verificar se há algum indício de atividade autoimune que deu origem à condição.

Assim, após toda essa análise se inicia o tratamento. 

Tratamento

O vitiligo não tem cura. 

Assim, o tratamento tem como objetivo diminuir o surgimento de áreas sem melanina, além de melhorar a aparência da pele e evitar o desenvolvimento de sensibilidade no local. 

Entre os tratamentos mais comuns estão:

  • Fototerapia;
  • Uso de medicamentos que estimulam a produção de melanócitos;
  • Corticoides e imunossupressores em caso de origem autoimune. 

Além disso, como as áreas sem melanina são mais sensíveis e suscetíveis aos raios solares, é importante protegê-las. 

Assim, o ideal é cobrir, mas caso isso não seja possível, deve-se, então utilizar protetor solar com alto fator de proteção. 

Em alguns casos é possível também disfarçar regiões mais esbranquiçadas com maquiagem que contenha FPS.

Alimentação é usada como parte do tratamento

Já se sabe hoje que uma alimentação específica é capaz de ajudar no controle e regressão do vitiligo.

Totalmente saudável e natural, ela tem sido cada vez mais colocada em prática por quem desenvolveu a condição de saúde.

Alimentos que amenizam o vitiligo

Alimentação para vitiligo

Saiba como deve ser a alimentação de quem foi diagnosticado com vitiligo.

Sobre o autor

Murilo C.

Murilo C. é biomédico formado em 2010 com vivência clínica e laboratorial. Além disso, é formado em nutrição, com especializações na área de nutrição esportiva e fitoterapia. Atuante na área de nutrição clínica, acredita no poder dos alimentos como forma prevenir e tratar doenças. Escritor, leva informação de qualidade sobre saúde e alimentação para todos há uma década.

Em Alta

content

Chás para celulite: 5 opções fora do óbvio para uma pele mais lisa e bonita

Chás para celulite: Conheça o top 5 de bebidas que realmente fazem a diferença quando o assunto é recuperação e manutenção da saúde da pele.

Continue lendo
content

Como tomar whey protein para emagrecer?

Está fazendo suplementação alimentar para perder peso? Então veja algumas formas disponíveis de como tomar whey protein para emagrecer.

Continue lendo
content

Bulimia: Tudo o que você precisa saber sobre esse transtorno alimentar

Difícil de ser diagnosticada, bulimia requer atenção plena aos seus sintomas. Assim, conhecer todos eles é muito importante.

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como comprar facilmente na Portal Trip Turismo?

A agência Portal Trip Turismo tem o objetivo de tornar acessível viagens e excursões. Os pacotes abrangem principalmente a região do ABC Paulista, mas também viagens no Brasil e outros países da América do Sul.

Continue lendo
content

Zarpo Viagens: saiba como funciona e se é confiável

Conheça a Zarpo Viagens, uma agência inovadora e criteriosa que oferece descontos exclusivos em diárias de hotéis de alta categoria. Veja mais sobre ela aqui!

Continue lendo
content

Como usar milhas para viajar de graça: passo a passo definitivo para economizar!

Ainda que você não costume viajar de avião, existem outras formas de acumular milhas que podem te deixar mais perto de realizar o sonho de viajar. Então, confira aqui como acumular e trocar suas milhas para poder viajar de graça e economizar seu dinheiro!

Continue lendo