News

Pé diabético: Saiba tudo sobre ele e aprenda a prevenir

Pé diabético é uma complicação extremamente grave do diabetes. Conheça os principais sintomas e saiba como prevenir. Quando não tratada condição tem graves consequências.

Anúncios

por Murilo C.

Publicado em 29/03/2022

Pé diabético é grave complicação do diabetes

pé vermelho
Conheça os principais sinais do pé diabético. Fonte: Canva.

O pé diabético uma das principais e mais graves complicações que surgem em decorrência do diabetes mal cuidado.

Afinal, ele surge quando o paciente desenvolveu um quadro conhecido como neuropatia diabética.

Ou seja, quando o paciente perde a sensibilidade e  não sente o surgimento de feridas. 

Devido às altas taxas de glicose no sangue, essas feridas demoram para cicatrizar. 

Com isso, infecções se tornam mais fáceis, o que aumenta o risco da necessidade de uma amputação do pé.

Por isso, é importante cuidar dos níveis de glicose no sangue, afinal, o pé diabético só surge quando há descompensação do diabetes. 

Medidor de glicose, pílulas, letras formando a palavra diabetes em fundo rosa

Tudo sobre o diabetes tipo 1

Conheça as causas, sintomas e como é feito o tratamento do diabetes tipo 1.

Anúncios

Causas e sinais do pé diabético 

A principal causa do pé diabético são os altos níveis de glicose no sangue, provenientes de anos de diabetes.

Assim, esse problema, é comum em pessoas que têm diabetes há mais de anos. 

O principal sinal é o surgimento de feridas no pé que não cicatrizam. 

Além disso, outros sinais são:

  • Formigamento  e perda de sensibilidade nos pés;
  • inchaços da canela para baixo;
  • Mau odor do pé;
  • Engrossamento da pele;
  • Aumento de temperatura localizado;
  • Surgimento de pus nas feridas. 

Graus de classificação problema

Existem 6 graus para classificar o pé diabético. são eles:

0: Pé sem feridas, mas de alto risco;

1. Presença de feridas superficiais;

2. Surgimento de úlceras profundas que afetam o tendão;

3. Feridas que afetam os ossos;

4. Gangrena localizada;

5. Necrose do pé.

Anúncios

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico é feito com base direta nos sinais e sintomas presentes no pé do paciente. 

O tratamento envolve diferentes etapas. 

Assim, é possível tratar o pé diabético das seguintes formas:

  • Uso de antibióticos;
  • Pomadas antimicrobianas sobre as lesões;
  • Modificação de dieta e medicamentos para controle do diabetes;
  • Realização de curativo diário da ferida.

Então, em casos mais graves, cirurgias são feitas para retirar a pele da região afetada e favorecer a cicatrização.

No entanto, quando a ferida não é detectada inicialmente ou quando o paciente não cumpre o tratamento, é preciso realizar a amputação do pé. 

5 formas de prevenir

Mas a boa notícia é que prevenir o pé diabético é algo possível e acessível para todos. 

Assim, entre as melhores formas de prevenção estão:

  1. Manter a glicemia controlada;
  2. Observar os pés diariamente;
  3. Manter os pés limpos e hidratados com creme ou vaselina;
  4. Cortar sempre as unhas e nunca tirar os calos;
  5. Usar sapatos fechados e macios.

Quando a prevenção é colocada em prática, o prognóstico é muito positivo.

Ou seja, o problema não surge o paciente consegue levar uma vida saudável e repleta de qualidade. 

Diabetes tipo 2 causa o problema

Tanto o diabetes tipo 1, quanto o 2 causam o problema.

Assim, independentemente do tipo do seu diabetes, é importante seguir à risca as recomendações e formas de prevenção que mostramos aqui.

Por isso, todos os diabéticos que seguem o tratamento à risca apresentam menores chances de desenvolver pé diabético.

Pessoa medindo glicose de paciente

Sintomas e sinais de diabetes tipo 2

Conheça os principais sinais e causas do diabetes tipo 2 e aprenda a evitar esse temido problema de saúde.

Sobre o autor

Murilo C.

Murilo C. é biomédico formado em 2010 com vivência clínica e laboratorial. Além disso, é formado em nutrição, com especializações na área de nutrição esportiva e fitoterapia. Atuante na área de nutrição clínica, acredita no poder dos alimentos como forma prevenir e tratar doenças. Escritor, leva informação de qualidade sobre saúde e alimentação para todos há uma década.

Em Alta

content

Receitas simples para iniciantes na cozinha

Existem receitas simples para iniciantes que são bem práticas e de rápida execução. Veja 3 opções aqui e aprenda o preparo passo a passo!

Continue lendo
content

Curso Brigadeiro Gourmet Senac: saiba se vale a pena!

Quer ganhar dinheiro vendendo doces? Conheça o Curso de Brigadeiro Gourmet Senac, que possui 20 horas-aula e é completamente online!

Continue lendo
content

Como se alimentar bem no verão? TOP 5 alimentos para evitar nessa época!

Conheça o top 5 de alimentos para evitar no verão e curta a melhor estação do ano em segurança e com muita saúde. Saiba mais!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Viagens só para mulheres: como funciona essa tendência!

Se você é mulher e quer conhecer a experiência de desbravar o mundo sozinha, saiba que existem agências de viagens exclusivas para o público feminino. Confira como elas funcionam e veja algumas sugestões para você planejar sua próxima viagem!

Continue lendo
content

Quer encontrar passagens de São Paulo para Rio de Janeiro baratas? Veja aqui!

Com paciência e um bom planejamento, você pode fazer a ponte aérea Rio – São Paulo pagando menos. Veja algumas dicas para encontrar promoções e ofertas e aproveite para economizar seu dinheiro!

Continue lendo
content

App Sisterwave: o que é e como funciona?

Aplicativo voltado exclusivamente para o público feminino, o Sisterwave ajuda mulheres a encontrar hospedagens seguras. Assim, a plataforma incentiva cada vez mais mulheres a viajarem sozinhas pelo mundo!

Continue lendo