News

Conjuntivite: conheça 10 sinais que indicam o problema

Descubra quais são as causas, os diferentes tipos e os principais sinais que indicam a presença de conjuntivite e assim buscar ajuda profissional. Embora seja simples, é preciso cuidado e atenção com esse problema de saúde ocular.

Anúncios

por Murilo C.

Publicado em 26/04/2022

Entendendo a conjuntivite

olho vermelho com conjuntivite
Aprenda a identificar os sintomas de conjuntivite. Fonte: Canva.

A conjuntivite é a infecção que afeta a conjuntiva dos olhos.

Ou seja: a parte branca!

E assim, traz à tona uma série de sintomas e desconfortos específicos. 

É possível que o problema afete um ou ambos os olhos. 

Então, uma vez que a infecção tem diferentes causas, existem três tipos diferentes do problema.

Os diferentes tipos de conjuntivite são:

  • Viral;
  • Bacteriana;
  • Fúngica;
  • Alérgica. 

Embora existam tipos diferentes, é preciso sempre buscar ajuda médica quando os sintomas surgirem.

Afinal, para cada tipo de conjuntivite existe um tratamento específico. 

Então, bora saber mais sobre o assunto. 

Aprenda a clarear olheiras

Confira 8 dicas simples e funcionais para acabar com as olheiras.

Anúncios

Os 10 principais sinais de conjuntivite

A conjuntivite possui sintomas e sinais clássicos. 

Os principais são:

  1. Vermelhidão em um ou então, ambos os olhos;
  2. Sensação de queimação;
  3. Sentimento de que há poeira dentro do olho;
  4. sensibilidade à luminosidade;
  5. Remela com coloração amarelada intensa, principalmente pela manhã;
  6. Coceira;
  7. Visão embaçada;
  8. Dificuldade para enxergar;
  9. Surgimento de ínguas doloridas próximas ao ouvido ou no pescoço;
  10. Coriza, seguida de nariz entupido e dificuldades para respirar.

Por isso, na presença dos sintomas, é fundamental procurar um oftalmologista de sua confiança;

Diagnóstico

A conjuntivite é facilmente diagnosticada por meio de um exame em consultório.

Esse exame consiste na utilização de uma lâmpada de fenda de alta intensidade em conjunto com um microscópio.

Assim, fica fácil observar as estruturas dos olhos e fazer o diagnóstico do problema.

Em casos de dúvidas, o diagnóstico é feito por meio da coleta de secreção que é enviada para análise posterior.

Então, uma vez realizado o diagnóstico, o paciente segue para o tratamento mais adequado.

Anúncios

Tratamento

Assim, o tratamento da conjuntivite depende exclusivamente da sua causa.

Então, é comum o uso de colírios antibióticos, lubrificantes ou antialérgicos para controlar os sintomas. 

No caso do problema ser causado por vírus, é preciso aliviar os sintomas e esperar que o ciclo de vida do vírus chegue ao fim.

Além disso, existem outras formas coadjuvantes de tratar o problema e trazer alívio aos pacientes. São elas:

  • Evitar a exposição a luzes intensas, sejam naturais ou artificiais;
  • Fazer uso de óculos escuros;
  • Lavar os olhos de forma regular com colírio ou soro fisiológico e eliminar as ramelas;
  • Sempre lavar as mãos com água e sabão após tocar os olhos;
  • Aplicar compressas frias sobre os olhos fechados;
  • Não utilizar lente de contatos;
  • Evitar se expor a agentes irritantes como poeira ou fumaça, por exemplo;
  • Não ir à piscina;
  • Trocar toalhas após cada utilização. 

Além dessas medidas, é importante evitar o compartilhamento de óculos, maquiagens, sabonetes, travesseiros e demais objetivos que entrem em contato com o rosto.

Principalmente em casos de conjuntivite infecciosa.

Receitas caseiras são úteis

Embora o tratamento para conjuntivite seja clássico e bem definido, existem uma série de receitas caseiras que trazem alívio dos sintomas e assim trazem conforto aos pacientes.

Então, para te ajudar com mais essa questão, a gente separou algumas dicas funcionais e com comprovação científica que realmente funcionam e são seguras.

Para conferir, é só clicar no link a seguir: 

Mulher colocando colírio

Receitas caseiras para conjuntivite

Conheça as melhores receitas caseiras para aliviar os sintomas de conjuntivite.

Sobre o autor

Murilo C.

Murilo C. é biomédico formado em 2010 com vivência clínica e laboratorial. Além disso, é formado em nutrição, com especializações na área de nutrição esportiva e fitoterapia. Atuante na área de nutrição clínica, acredita no poder dos alimentos como forma prevenir e tratar doenças. Escritor, leva informação de qualidade sobre saúde e alimentação para todos há uma década.

Em Alta

content

Como limpar o estômago? Veja 8 receitas!

Existem várias formas para conseguir limpar o estômago, desde chás até o consumo de alimentos, como maçã, couve e frutas cítricas! Veja.

Continue lendo
content

Chá de folha de figo: saiba para que serve e seus benefícios!

O chá de folha de figo possui inúmeros benefícios para o organismo e pode ser facilmente preparado. Veja aqui como preparar e seus benefícios

Continue lendo
content

Curso Gratuito de Cozinheiro SENAC: conheça e saiba se vale a pena!

Ao fazer o curso gratuito de Cozinheiro SENAC você tem a chance de trabalhar em restaurantes, festas, buffets e eventos. Conheça mais!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Azul Linhas Aéreas é boa? Veja se vale a pena para viajar!

Embora seja uma companhia aérea mais recente no Brasil, a Azul Linhas Aéreas já é a terceira maior empresa do país nesse segmento. Ela é responsável por mais de 900 voos diários, atendendo com qualidade e excelência.

Continue lendo
content

Como fazer check-in pela Air France: veja antes de viajar!

A companhia aérea Air France disponibiliza o check-in online cerca de 30 horas antes da partida! Os passageiros podem realizá-lo online ou direto no guichê da companhia com a ajuda de um atendente.

Continue lendo
content

Como comprar pelo ViajaNet?

A ViajaNet é uma empresa de turismo paulista que já é uma das maiores do Brasil. Portanto, veja aqui o passo a passo para comprar pelo ViajaNet e comece você também a aproveitar seus serviços com valores incríveis!

Continue lendo